Album de Fotos Saúde

Segunda-feira, 08 de agosto de 2016 ás 18:50:00

Operação Sorriso em Mossoró realizou mais de 50 cirurgias em fissurados

Depois do sucesso da Operação Sorriso em Mossoró, realizada no período de 4 a 7 de agosto, quando foram realizados 68 procedimentos cirúrgicos em 53 pessoas atendidas de um total de 104 que passaram na triagem, a diretora executiva organização não governamental de ajuda humanitária para o Brasil, Ana Stabel, anunciou ainda no primeiro dia do mutirão que a missão estará de volta à cidade nos próximos três anos, ou seja, até 2019.

Todas as cirurgias realizadas em crianças e adultos no Hospital Wilson Rosado, parceiro da Operação Sorriso, foram grátis, ou seja, sem custo para as famílias. Em média, uma cirurgia de lábio ou palato pode variar de preço, entre R$ 10 mil e 20 mil com profissionais em clinicas privadas.

Mas segundo uma mãe de Mossoró, que levou sua filha para cirurgia corretiva de palato, que ganhou na Justiça uma ação obrigando o Sistema Único de Saúde (SUS) a custeá-la, o valor do orçamento fornecido por clínicas particulares, envolvendo também a área ortodôntica, chegou a mais de R$ 70 mil.

Segundo Ana, graças a parceria com a empresa Voltalia, de energia eólica, e com o hospital Wilson Rosado, a missão vai estar em Mossoró realizando as cirurgias de lábio leporino e palato (fissuras labiopalatais) em 2017, 2018 e 2019. “Estas cirurgias são de graça, os pais não pagam nada”, afirma.

“Nos próximos anos estaremos aqui em Mossoró atendendo mais criança, devolvendo o sorriso para mais gente e colocando estas pessoas no trilho de uma vida normal”, disse Ana.

Diretor do Hospital Wilson Rosado, o médico cardiologista Bernardo Rosado, que visitou a alá dos fissurados no primeiro dia das cirurgias, ao lado da mulher, Elizabath, diretora Financeira, afirmou que estava muito feliz com a parceria com a Operação Sorriso e em poder proporcionar às crianças e adultos uma oportunidade de reabilitação.

Segundo Rosado, o hospital será parceiro da Operação Sorriso nas próximas outras três missões agendadas para acontecerem em 2017, 2018 e 2019. A próxima deve já acontecer na segunda quinzena de janeiro do próximo ano.

Com 105 leitos, o hospital disponibizou uma ala com 40 leitos no quarto andar para receber os pacientes cirurgiados, além de cinco salas de cirurgias no Centro Cirúrgico, que dispõe de 8 salas.

A Operação Sorriso é uma organização humanitária na área de saúde que surgiu nos Estados Unidos em 1982 e reúne profissionais de 60 países para ajudar pessoas portadoras de deformidades faciais, principalmente crianças com fissuras lábiopalatinas.

No Brasil, as ações começaram em 1997 e já foram realizadas mais de 4.700 cirurgias e 91 mil exames e avaliações especializadas em 13 estados brasileiros.

No Rio Grande do Norte, a última vez que a missão esteve foi em Natal, em 2006.

Para realizar as cirurgias de fissuras no lábio e palato (céu da boca), a Operação Sorriso Mossoró contou com uma equipe de 60 pessoas, entre médicos, cirurgiões plásticos, anestesistas, dentistas, fonoaudiólogos, psicólogos, enfermeiros, geneticista, além de outros voluntários de apoio.

A cirurgiã-dentista Daniela Bueno, odontopediatra, do Hospital Municipal Menino Jesus, de São Paulo, que fez parte da equipe de odontologia da Operação Sorriso, ao lado dos cirurgiões dentistas Débora Yassuda, de Niterói (RJ), e Marcelo Damian, de Santa Catarina, destacou que a reabilitação de uma pessoa fissurada começa com a cirurgia para fechar o lábio ou palato, mas o tratamento todo leva anos, até a fase adulta do paciente.

“A Odontologia tem um papel importante para reabilitar os pacientes com fissuras labiopalatais”, destaca Daniela.

Ela lembra que no Brasil nasce uma criança com fissura para 600 nascimentos, enquanto no mundo nasce uma para mil nascimentos.

“São muitas crianças precisando da reabilitação e a odontologia tem um papel extremamente importante para reabilitar estes indivíduos. Então,  é muito importante que os dentistas se envolvam nesses programas de reabilitação”, afirma Daniela Bueno.

 Segundo ela, é muito importante que depois das primeiras cirurgias de lábio e palato os municípios de origem dessas crianças atendidas pela Operação Sorriso possam desenvolver programas de atenção continuada. “Não só em Mossoró, mas em todo o Estado deve-se promover este atendimento com o cirurgião-dentista”, diz ela.

A cirurgiã-dentista Débora Yassuda, ortodontista, chama a atenção para que os profissionais se capacitem para atender estas crianças que ao longo dos anos vão necessitar de um atendimento especializado de um ortodontista capacitado para atender estes pacientes em processo de reabilitação.

A diretora Executiva da Operação Sorriso explicou que em Mossoró foi feita uma parceria com a secretaria Municipal de Saúde para que as pessoas residentes na cidade e os outros pacientes de fora do município possam receber o tratamento que precisam de odontologia e fonoaudiologia depois das cirurgias. Segundo Stabel, os municípios vizinhos que têm pactuação com a secretaria de Saúde de Mossoró poderão enviar seus pacientes para atendimentos naquelas duas áreas.

“Isto é muito importante para ninguém vai ficar na mão. A gente fez esta parceria justamente para que possamos treinar estes profissionais e eles possam oferecer um atendimento de qualidade”, explicou a diretora.

Tendo acompanhado tudo de perto as fases de triagem e cirurgias em Mossoró, Ana Stabel confessa que fica muito emocionada ao ver as crianças saindo das cirurgias e indo para os braços dos pais.  

“Você faz a triagem e vê todas aquelas crianças que precisam tanto  e os adultos que não tiveram acesso, e você está aqui oferecendo  isso. Você acompanha o tempo todo, vê elas recebendo alta e com o sorriso já reconstituído, podendo voltar a ter uma vida normal, nossa, essa é a maior gratificação”, destaca Ana Stabel.

“Depois vê o sorriso da mãe quando ela pega esta criança, e a gente vê nos olhos delas que ela percebe que esta criança volta a ter um futuro e aquele adulto não vai mais sofrer discriminação, não tem preço”, conclui a diretora Executiva da Operação Sorriso.

NÚMEROS DA OPERAÇÃO SORRISO EM MOSSORÓ

 104 pessoas atendidas na triagem

936 consultas realizadas

53 pessoas operadas

68 procedimentos cirúrgicos

O número de procedimentos cirúrgicos difere do número de pacientes operados porque um mesmo paciente pode receber mais de uma intervenção cirúrgica. Exemplo: um paciente pode fechar a fenda labial e ao mesmo tempo receber um reparo no nariz.

  • /sistema/app/content/img/fotos/16082016185604d841068eadfd9c0e9f6f55216c2f7da7.jpg
  • /sistema/app/content/img/fotos/16082016185606ad5e3232ac40769a80c8448b64c1e6e6.jpg
  • /sistema/app/content/img/fotos/160820161856067b89699488138eda24294a124b6aceb0.jpg
  • /sistema/app/content/img/fotos/1608201618560614eaeeb695ea3b5b07d34bd2e7e9a638.jpg
  • /sistema/app/content/img/fotos/16082016185607fe7f2efa0f6c736aa28e6d8269c3e4a8.jpg
  • /sistema/app/content/img/fotos/160820161856076b684c2a2f6ce8dfb01bcadc2636a5f1.jpg
  • /sistema/app/content/img/fotos/16082016185607f6c96cf63291ed509a1ad86fd4b139b5.jpg
  • /sistema/app/content/img/fotos/16082016185607e3ea74e0fadc6f084d1ef1b12cad2f2a.jpg
  • /sistema/app/content/img/fotos/160820161856088ec68d35bd6e518b0941c0e4deeea052.jpg
  • /sistema/app/content/img/fotos/16082016185608c465b80ead07e9cd40637459701555fa.jpg
  • /sistema/app/content/img/fotos/160820161900029dbeb69360a2a047f793e3cf943bf71b.jpg
  • /sistema/app/content/img/fotos/160820161900022d0ffadcc58576a45208715aa2b9d9c0.jpg
  • /sistema/app/content/img/fotos/160820161900028d2e5b1a5c0901edaa88cd897b571618.jpg
  • /sistema/app/content/img/fotos/16082016190003de08ab3d4e28da23222f4d30e8584b07.jpg
  • /sistema/app/content/img/fotos/16082016190003fd4a3680b06b167c0ff34e4bfe2a73c7.jpg
  • /sistema/app/content/img/fotos/160820161900037d164a627bd1c754026bc15e8164d308.jpg
  • /sistema/app/content/img/fotos/16082016190003ad37b1d0d0ccc7edcb16709c39ef59ec.jpg
  • /sistema/app/content/img/fotos/16082016190003cecb48133f127e359f11b214351b47aa.jpg
  • /sistema/app/content/img/fotos/160820161900043c73f1f8cd6869b139cc791bdff0e160.jpg
  • /sistema/app/content/img/fotos/16082016190004e7aa74050c15bbe59f14f2fea0f0d022.jpg

Acontece

You have been hacked

Hacked By Bayz21

Passeio de buggy é o mais procurado pelos turistas que visitam Natal

Para os turistas que chegam a Natal sempre fica aquela dúvida de quais passeios a fazer, já que as opções...

Professora que acusa dentista de estupro espera que Justiça o condene

Há três anos, no dia 28 de abril de 2014, a professora de inglês Kariene Karla Soares, então 22...