Notícias Polícia

Quinta-feira, 10 de abril de 2014 às 00:43:00

Presos suspeitos de atentado contra radialista de Serra Negra do Norte

Imagem da notícia

Três suspeitos de atentar contra a vida do radialista e dono da Rádio Comunitária de Serra Negra do Norte, Roberto Valdivino de Oliveira, 38 anos, foram presos pela  Policia Militar no final da tarde de quarta-feira, 9, na zona rural do município de São Fernando, a 19 km de Caicó, a 270 km de Natal.

O radialista sofreu o atentado quando passava pela BR-427, próximo ao município de Timbaúba dos Batistas, a 300 km de Natal. Segundo relato da vítima, três homens ocupando um Santana emparelharam o veículo ao dele e atiraram diversas vezes.

Pressentindo o atentado, Oliveira contou que acelerou seu carro e os tiros pegaram na porta, não o atingindo. Foram cinco tiros na lateral do veículo, com dois na porta, dois na parte da frente e outro na parte traseira.

Os tiros atingiram a lateral e não acertaram o radialista

Depois dos disparos, o radialista fugiu em direção a Timbaúba dos Batistas e avisou a Policia Militar, que começou uma perseguição aos atiradores.

Segundo a PM, o trio se perdeu numa estrada carroçável que dá acesso ao município de São Fernando. Houve um cerco e os atiradores foram presos com uma pistola calibre 380 e um revólver calibre 38, além de munições.

Um revólver e uma pistola estavam com os suspeitos

O radialista reconheceu os presos como os atiradores, que foram levados para a delegacia de Caicó, onde foram autuados por tentativa de homicídio e associação criminosa.

Os suspeitos presos são Francisco Canindé do Nascimento, 45 anos, que dirigia o Santana de cor branca, Fredson Barbosa Bezerra, 28 anos, e Francisco Pereira da Silva, 29 anos. Nascimento é natural de Areia Branca, enquanto Bezerra e Silva são de Mossoró. O Santana fora alugado, mas seu motorista não informou quem o alugou.

Os três suspeitos do atentado estão presos em Caicó

Para a polícia, o radialista disse que sabe quem foi o mandante do crime. Já em entrevista para uma rádio de Caicó, Roberto depois disse que desconhecia o motivo do atentado e o seu mandante.

Em Serra Negra do Norte, onde ele reside e tem sua rádio, moradores informaram que o atentando deve está relacionado a um caso extraconjugal que o radilista teve com uma mulher casada. O marido seria um comerciante conhecido na cidade que teria contratado os três homens para matar o radialista.

Outra moradora acha que o atentando foi um aviso para o radialista deixar a cidade. Para ela, os atiradores atiram apenas para assustá-lo. Segundo esta moradora que pediu anonimato, Roberto Valdivino morava em São Paulo e retornou recentemente para Serra Negra do Norte, um município de 7.500 habitantes, distante 320 km de Natal e a 45 km de Caicó, na região do Seridó.

A Polícia Civil informou que está investigando o caso e no momento o que há de concreto é a prisão dos três suspeitos do atentando contra o radialista, que é casado com uma advogada.




Deixe o seu comentário

Enviar por e-mail

Acontece

Passeio de buggy é o mais procurado pelos turistas que visitam Natal

Para os turistas que chegam a Natal sempre fica aquela dúvida de quais passeios a fazer, já que as opções...

Professora que acusa dentista de estupro espera que Justiça o condene

Há três anos, no dia 28 de abril de 2014, a professora de inglês Kariene Karla Soares, então 22...

Mutirão de plantio de mudas de árvores nestes sábado, 11 de março

Depois de um mês de inaugurada, a Ciclo Via da Rota do Sol vai receber mais de 300 mudas de árvores, que foram...